Não desista, menino!

Que importa se o mundo é mau,Lazaro Piunti b1860

E se os perversos infestam a Terra?

Não, não importa.

Há crianças sorrindo!

Deus concebeu o cenário e enfeitou a paisagem

Com animais e plantas, nuvens e chuva, sol e luar.

E manhãs promissoras!

Porém, nós vulgarizamos a Obra Divina.

Então, o Criador, movido pelo sorriso da inocência dos pequenos,

Decidiu reabilitar o gênero humano.

E enviou o próprio  Filho! Por tudo isto, Menino, você vai nascer de novo.

E, pode crer, valerá a pena. Pois:

Há crianças sorrindo!

Força, Menino! Não desista!

Em meio à constelação de maldades - tantos malfeitos e malfeitores.

Ainda existem oásis de amor - Ilhas de bondade e Recantos de ternura!

Sabe por quê? Muito simples:

Ainda há crianças sorrindo.

Menino, Você não pode desistir.

Se, muitos dos nossos, e nós mesmos,

O maltratamos, O humilhamos, O crucificamos,

Também é verdade que foi preciso

Que Você tomasse uma das nossas mulheres

(Dentre todas a mais santa!), para vir ao mundo.

Contemple o Rosto Imaculado de Sua Mãe.

Descubra o quanto ela guarda de inefável graça em seu amoroso coração.

Na manjedoura, suportando do parto as dores,

Ao dar vida ao Filho Amado, extasiada... Ela sorriu!

E deu à luz e ao mundo uma dádiva sublime!  Você!

Portanto: Não desista, Menino!

Neste vale de lágrimas, temperando o pranto,

Há crianças sorrindo.

 

Lázaro Piunti

 

 


Crônicas relacionadas