Peito enamorado

Fonte: Reinaldo Bressani

Hoje, bem cedinho, à luz do solReinaldo Bressani
Das manhãs claras como os meus sentidos,
No jardim, as dálias branquinhas iam
Perfumando os sonhos ali nascidos.

Sonhos coloridos quais buquês de
Florescidos sentimentos de amor
Brotados do meu peito enamorado...
Caidinho pelos dengos duma flor.

Absorto pelos sonhos que me enlevam,
E com ela em meu pensamento solto,
Flutuo qual plumas que pelos céus pairam.

Quão sublime é este sonho desenvolto,
Tão pleno de carícias que me inspiram
Versos àquela à qual me sinto envolto.

Reinaldo Bressani - Cadeira nº 15 da ACL