Jovens meninos

Fonte: Frances de Azevedo

Oh, jovens idealistas,39 Frances de Azevedo 945e9
À frente das treze listras,
Com ousadia, sem temor,
Avançaram com fervor!

Oh, jovens tão destemidos,
Pela causa, tão unidos,
Com tão pouca munição,
Foram contra a traição!

Oh, jovens iluminados,
Pelo frio transfigurados,
Na matraca, com engenho,
Puseram todo empenho!

Oh, jovens, que no passado,
Neste solo consagrado,
Trocaram a mocidade
Pela fé na liberdade!

Oh, jovens, que na trincheira,
Com vontade verdadeira,
Sem qualquer experiência
Lutaram com pertinência!

Oh, jovens, quase meninos,
Verdadeiros paladinos,
Pela historia consagrados
E por nós nunca olvidados!