Coração Sábio

Fonte: Raquel Naveira

Dá-me um coração sábio,7 Raquel Naveira 81a2e

Que eu possa sempre olhar o sol,

Controlar-me a mim mesma,

Pois o fardo é pesado

E a viagem é longa,

Põe uma trava nos meus lábios.

 

Dá-me um coração sábio,

Que no silêncio

Meu espírito ganhe potência,

Que na simplicidade

Eu atinja a ciência

Mais que nos livros e alfarrábios.

  

Dá-me um coração sábio,

Que no sofrimento

Eu ganhe maturidade,

Que na tempestade

Eu mantenha a calma

E em manejar a palavra

Eu seja hábil.

 

Coração sábio

Para dirigir

Uma vida feliz,

Dá-me.

 

Nem fortuna,

Nem poder,

Nem glória,

Um coração sábio

Como o de Salomão.