Ano Novo

Carolina 12 12 2017 400 a9b82Carolina Ramos - 

 

Os sinos sacodem a noite silente!

Apitos, sirenes, febris, a anunciar

que parte o Ano Velho, tristonho e doente,

e  nova esperança começa a brilhar!

 

Em meio à alegria, que explode em espuma,

transborda de taças e rola no chão,

rasteja a tristeza, fiapos de bruma,

estranha entre risos confete e rojão!

 

É a mesma tristeza que rima com prece

e aquele que a sente é  incapaz de a entender!

Tristeza que às vezes, receio parece,

receio de tudo que é inútil prever...

 

Mas, pulsam ao peito, no fundo... bem fundo,

reservas de Amor , de Fé e Confiança

- um eco escapado aos gemidos do mundo –

e mesmo sofrida... renasce a Esperança!!!