A linguagem pitoresca do futebol

Lázaro Piunti

As modalidades esportivas são variadas. Aliás, múltiplas.

Desde a Antiguidade a prática de esportes empolga os povos. O futebol, porém, é a modalidade mais popular do planeta. Por mera curiosidade vamos enunciar aqui algumas das expressões definidoras de lances corriqueiros no jogo da bola.

FINTA - DRIBLE DA VACA - CORTA LUZ - CAMA DE GATO - LENÇOL (chapéu)Futebol a8bf6

TIPOS DE GOLS.

OLÍMPICO – ESPÍRITA - DE PLACA - DE LETRA – CALCANHAR – BICICLETA – BICO – RELÂMPAGO - FOLHA SECA – PEIXINHO - SEM PULO.

Existem ainda os denominados “frango” ou “peru”, quando o goleiro falha clamorosamente facilitando o gol do time adversário. Na definição real o “frango” ocorre quando a bola passa entre as pernas do arqueiro e vai “morrer no fundo das redes”.

Ainda há:

ESCANTEIO - TIRO DE CANTO - TIRO ESQUINADO.

Já o lance emblemático se dá quando na cobrança da FALTA a bola ultrapassa a barreira de defensores e se aninha no “ninho da coruja”, ou seja, no ângulo superior das redes anulando as chances de defesa do goleiro (guardião). O “escanteio de meias curtas” retrata a cobrança de falta nas proximidades do “pau da bandeira”, quase na demarcação da linha lateral do campo. O gramado também é chamado “tapete verde”!

São estas algumas das deliciosas expressões que embelezam as narrativas de uma partida de futebol. Lógico, muitas tantas não foram aqui mencionadas. Cabe registrar, em destaque, o GOL DE CHALEIRA – o conhecido “gol de calcanhar”. Na origem (chaleira!), traduz grata homenagem a Charles Muller, introdutor do futebol no Brasil.

Como epílogo, recordemos o saudoso Fiori Gigliotti:

“Fecham-se as cortinas e termina o espetáculo, torcida brasileira”!

 

Lázaro Piunti - Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.