Ives Gandra fala sobre sua infecção e recuperação pelo Covid-19

Ives Gandra Martins foi infectado com coronavírus durante internação no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, para tratar de uma diverticulite que acabou evoluindo para septicemia, no fim de março. “Fiquei entre a vida e morte”, diz Ives Gandra. Por ter tido contato com os médicos Raul Cutait e David Uip durante a internação, pode ter contraído através deles, mas isso é só uma hipótese. Os dois médicos foram internados com sintomas da Covid-19 dias antes de o jurista começar a ter os sintomas da doença.