Alguns pensamentos poéticos

Frances de Azevedo

 

A liberdade alça voo nas asas dos versos de um Poeta.

 

Tudo vale a pena, quando faço um poema!

 

O verdadeiro Poeta nunca morre, dorme eternamente nos seus versos.

 

Infinito é o universo... Infinita é a imaginação do Poeta.

 

O Poeta, que canta o amor num verso, propaga a paz no universo.

 

Não há escuridão para o Poeta: seus poemas iluminam eternamente.

 

Perpassa o vento no arvoredo, então leio um verso para espantar o medo.

 

Vale a pena voar nas asas de um poema!

 

Busca alento em sua vida?! Leia um bom poema.

 

Ouço o farfalhar de uma palmeira: eterno verso de uma vida inteira.

 

Dançam nossos sentimentos num poema bem cadenciado.

 

Para preservar a memória: decore um poema.

 

Ruge o vento pela proa, não fico à toa: faço um verso.